Captura de Tela 2016-03-22 às 10.18.49

A busca orgânica no Google é a fonte mais confiável para o consumidor interessado em informações gerais, segundo um estudo global feito com mais de 33 mil pessoas em 28 países diferentes.

Nos últimos dois anos ficou comprovado que os mecanismos de busca são as formas mais confiáveis que as pessoas buscam notícias e informações em geral, segundo a 16ª pesquisa Trust Barometer 2016 da consultora Edelman.

As pesquisas apontam que 63% das pessoas confiam mais na busca online, e 58% nas mídias tradicionais. Essa diferença é bem maior que no ano passado, quando a pesquisa online foi líder nesse quesito no cenário Global e Nacional.

O cenário econômico do país faz com que o consumidor pesquise mais antes de qualquer compra, e essa é a chance de investir em estratégias de marketing online. Afinal, depois da busca online e busca tradicional, a confiança dos usuários também está vinculado aos veículos online.

Mecanismos de Buscas: Quais o consumidor mais usa?

Semanalmente milhares de pessoas agregam seu tempo ao consumo de TVs e Mídias Sociais. Outra mídia que vem sendo acessada com frequência são os Mecanismos de Busca, que superam outros meios como blogs, revistas e jornais.

Como as mídias sociais são usadas semanalmente e por várias horas do dia, é uma forma de transmissão relevante de informação.

Sites de compartilhamento de conteúdo são bastante relevantes para o usuário, afinal alguém recebeu aquela informação e julgou ser importante para outras pessoas. Assim como acontece também nas mídias sociais. 78% das pessoas dão mais relevância para um assunto compartilhado por um amigo, conhecido, ou familiar. Isso faz com que a confiabilidade de uma notícia divulgada em mídias sociais seja mais eficiente.

Serviços usados e recomendados por pessoas especialistas do assunto seguem abaixo desse setor com 65% da credibilidade do consumidor, seguidos por pessoas que usaram e recomendam o produto ou serviço com 62%. As informações que obtém a menor credibilidade do consumidor são aquelas produzidas por um funcionário (55%), ou produzidas pelo próprio CEO da empresa (49%).

Conclusão

Sem dúvida os resultados em uma busca no Google, por exemplo, é uma fonte real de credibilidade para a empresa ou produto, pois para estar na primeira página do Google é necessário ser relevante diante de diversos fatores que influenciam a busca.

Há estudos que afirmam que uma empresa que aparece na primeira página do Google, o consumidor tem a percepção de que aquela empresa é líder do segmento.

Comentários

comentários

Por Fabio de Castro
Administrador, co-founder na Agência Ideiasweb, interessado em tudo que tenha tecnologia, negócios ou marketing. Ajudei centenas de empresas a impactarem milhões de pessoas através do marketing digital. - Linkedin